O processo de escolha de um antivirus deverá ter em conta diversos fatores, abaixo indicarei alguns a ter em conta.

Pago ou grátis?

Apesar de existirem excelentes antivirus grátis, muitos deles têm segundas intenções, veja-se o caso do avast que vendeu dados de utilizadores para empresas de marketing (https://abertoatedemadrugada.com/2020/01/avast-vende-dados-do-que-os-seus.html) e que encontra-se agora em processo de recuperar a credibilidade que teve em tempos.

Critérios a seguir para fazer uma boa escolha

A melhor fonte de informações sobre testes de antivirus são os laboratórios independentes, como é o caso destes dois:

Existem também alguns canais do youtube de excelente qualidade e que fazem testes excelentes, como é o caso do PC Security Channel:

Pessoalmente, não recomendo as sugestões de sites que não sejam de laboratórios independentes.

É também importante utilizar uma versão de demonstração e verificar o comportamento no seu computador.

Antivirus do Windows ou de terceiros?

Apesar de no passado não ser grande adepto do antivirus do Windows, este de acordo com os últimos testes efetuados nos laboratórios independentes, tem tido uma evolução bastante positiva tendo até recebido o certificado bronze nos testes efetuados no ano 2020 do av-comparatives (https://www.av-comparatives.org/tests/summary-report-2020/), fazendo com que a imagem que tenho sobre ele seja bastante mais positiva.

Quais os melhores antivirus pagos?

As minhas sugestões de melhores antivirus pagos são as seguintes:

  • Kaspersky: Leve e eficiente, muito bons resultados nos laboratórios independentes;
  • Bitdefender: Um excelente antivirus com uma interface bastante intuitiva, significativamente mais pesado na memória que o Kaspersky, o preço é mais acessivel.

Tenham em nota que apesar destas duas sugestões, existem outras excelentes escolhas, estou apenas a escrever por experiência própria.

Quais os melhores antivirus grátis?

Avira: Uma excelente antivirus, possui uma boa interface e não é muito pesado, é a minha principal recomendação para quem não quer pagar por um antivirus e não confia no Windows Defender;

Versões Grátis do BitDefender e Kaspersky: Pelos bons resultados que as versões pagas têm nos testes independentes, podem mostrar popups para comprar as versões pagas;

Microsoft Windows Defender: Apesar de no passado não ser muito recomendável, tem tido tal como referido anteriormente uma excelente evolução e começa a fazer frente a outras alternativas. Já vem pré-instalado no Windows 10 e não precisa de ser desinstalado caso opte por outra solução, este é automaticamente desativado.

Conclusão

Juntamente com a análise dos resultados de laboratório, instale a versão trial, explore a interface, veja o impacto que tem no seu sistema e verifique se será uma boa escolha.

As sugestões que indiquei anteriormente são válidas apenas durante o momento em que escrevo este texto, em breve poderão haver outras excelentes escolhas.


0 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *