Gerir as aplicações que arrancam com o Windows através do msconfig

Apesar de estar um pouco oculto, o msconfig é um utilitário bastante poderoso que o Windows possui, e que permite entre outras coisas, definirmos que aplicações arranquem com o sistema operativo.

Para abri-lo, vamos ao menu iniciar, escrevemos “msconfig” e damos um clique em “msconfig.exe”:

Seguidamente, este utilitário abrir-se-à, depois clicamos na tab “Startup” ou arraque (em português):

Aí podemos ver a lista das aplicações que arrancam com o Windows, se quisermos que alguma não arranque, é só desmarcar a “checkbox” correspondente à mesma (o quadradinho à esquerda da aplicação).

Espero que mais uma vez, vos tenha sido útil.

 

Fazer o upgrade para o Windows 7

Neste post, vou falar dos 3 tipos de migração para o Windows 7:

  • Atualizar para o Windows 7 a partir do Windows Vista;
  • Migrar para o Windows 7 a partir do Windows XP;
  • Fazer upgrade de uma edição do Windows 7 para outra edição do Windows 7.

Antes de começar a escrever sobre como poderá fazer a atualização, aconselho vivamente a correr primeiro a ferramenta “Windows 7 Upgrade Advisor”, para confirmar que o computador suporta o Windows 7. Esta ferramenta poderá ser descarregada gratuitamente na página http://windows.microsoft.com/upgradeadvisor .

image

Atualizar para o Windows 7 a partir do Windows Vista

Esta atualização é bastante simples, e quando é feita, todos os documentos, definições, aplicações e contas de utilizador que existem no computador são automaticamente importados para o novo sistema operativo. Em termos de requisitos a ter em conta, é exigido que possua o Service Pack 1 do Windows Vista instalado e pelo menos 10 GB de espaço livre no disco.

Note também que não é possível atualizar do Windows Vista com arquitetura 32 bit para um Windows 7 com arquitetura 64 bit e vice-versa, nestes casos deverá fazer uma nova instalação.

Antes de efetuar a atualização, certifique-se que possui um backup recente do sistema, para o caso de algo correr mal.

A atualização, deverá ser feita, efetuando boot do sistema através do cd do sistema operativo Windows 7, e quando aparecer a janela “Which type of installation do you want”, deverá selecionar “Upgrade”.

Migrar para o Windows 7 a partir do Windows XP

Neste momento deve estar a interrogar-se acerca do motivo de eu chamar a este procedimento migração e ao anterior a partir do Windows Vista atualização, pois bem a resposta é bastante simples não é possível atualizar para o Windows 7 a partir do Windows XP.

Nestes casos, a única opção será a realização de uma nova instalação, se estiver inseguro, recomendo que recorra ao dual boot, ou seja manter os dois sistemas operativos em simultâneo.

Caso opte por instalar o Windows 7, formatando a unidade onde se encontra o Windows XP, não se esqueça de efetuar os backups.

Fazer upgrade de uma edição do Windows 7 para outra edição do Windows 7

O Windows 7 existe em 6 edições: Starter, Home Basic, Home Premium, Professional, Enterprise e Ultimate. Por vezes, existe a necessidade de evoluir de uma versão para outra, por forma a tirar partido de mais funcionalidades.

Este upgrade pode ser feito de 2 formas diferentes, através do disco da versão mais avançada e respetiva chave de produto, e através do Windows Anytime Upgrade.

Se optar pelo disco da versão mais avançada, deverá seguir o procedimento de uma atualização normal, como se fosse atualizar do Windows Vista para o Windows 7.

Caso opte pelo Windows Anytime Upgrade, deverá adquirir primeiramente, uma “caixa” deste produto, que possibilite a atualização da sua versão atual para a versão pretendida

image

Note que a aquisição em caixa, é a única hipótese em Portugal, pois a Microsoft Store não existe no nosso país.

Depois, deverá no seu computador, abrir o assistente do Windows Anytime Upgrade, que poderá ser feito pesquisando na caixa de procura do menu iniciar, ou neste menu ir a All Programs e procurar por este assistente. Seguidamente, deverá selecionar a segunda opção “Enter an Upgrade Key” e seguir as instruções:

image

Tenha em atenção que o Windows Anytime Upgrade, só suporta chaves específicas, se ter, por exemplo, o Windows 7 Home Premium e possuir uma versão de retalho (não Anytime Upgrade), deverá seguir o processo de atualização normal através do disco da versão mais avançada, pois essas chaves não são suportadas.

Desativar Reinicio Automático em caso de falha

Quando existe uma falha grave no sistema, como um blue-screen, o computador reinicia automaticamente, isso por vezes dificulta a resolução do problema, pois não conseguimos ver a mensagem de erro, e assim é complicado ver o que está a causar o problema.

Existe uma forma de desactivar este reinicio automático, e assim podemos ver mais facilmente a origem do problema, o procedimento é o seguinte:

1. Abrir o menu reiniciar, e dar um clique com o botão direito sobre o botão computer (computador), e no menu de contexto que irá abrir, seleccionar a opção properties (propriedades) :

2. Seguidamente, na janela que abre, clicar em Advanced System Settings (definições avançadas do sistema), no lado esquerdo

3. Na janela System Properties (Propriedades do Sistema), dar um clique com botão direito do rato no botão Settings (Definições) que se encontra na secção “Startup And Recovery” (Arranque e Recuperação)

4. Finalmente, deverá desmarcar a checkbox “Automatically Restart” (Reiniciar Automaticamente), que se encontra na secção “On System Failure” (Em caso de falha do Sistema).

Está Feito!

Em caso de dúvidas, ou se quiserem fazer sugestões, podem utilizar os comentários.

Acelerar a abertura de Pastas

As mais recentes versões do Windows, permitem optimizar a abertura de pastas, optimizando-a para abrir o principal conteúdo da mesma.

Para optimizar uma pasta, deverá primeiro clicar com o botão direito do rato sobre a mesma e seleccionar a opção “Propriedades” (properties):

Seguidamente, na janela propriedades, deverá dar um clique no separador “Personalizar” (customize)

E poderá então ver uma drop-down “Optimizar esta pasta para: “ (optimize this folder for: ),

Aí, deverá então seleccionar qual o principal conteúdo da pasta, esta irá então ser optimizada para abrir esse tipo de conteúdo, sendo a sua abertura muito mais rápida!